Projeto Hitchcock: The Skin Game (1931)

11/03/2011

“Quando um ator vem até mim e quer discutir seu personagem, eu digo, ‘Está  no roteiro’. Se ele disser, ‘Mas qual a minha motivação?’, eu respondo, ‘Seu  salário’ ” Alfred Hitchcock

Crédito: Hitchcock.tv

The Skin Game (que algumas fontes no Brasil chamam de Jogo Sujo) foi uma grata surpresa na filmografia de Hitchcock, por ser um filme extremamente satisfatório sem ser um suspense. O cineasta, apesar de não ter tido muita liberdade na direção do longa, foi bem-sucedido ao criar uma história com personagens multifacetados e tecer críticas que, até um certo ponto, continuam relevantes para a sociedade atual.

O tema principal do filme é a briga entre famílias. De um lado, temos os Hornblowers, industriais que pretendem comprar terras no campo para produzir artigos de cerâmica. De outro, os Hillcrists, aristocratas que não querem ver a terra em que nasceram tomadas por fábricas. A briga entre as duas famílias, num primeiro momento civilizada, vai se tornando cada vez mais destrutiva para ambos os lados. Continue lendo »